Modelação Geográfica, Cidades e Ordenamento do Território

Grupo integrado no e-GEO – Centro de Estudos de Geografia e Planeamento Regional


Leave a comment

Scripts no SEXTANTE

Num post anterior, descrevia como aceder a API do SEXTANTE atraves da consola de Python do QGIS.

Neste post, vou avancar um pouco mais em termos de costumizacao e criar um script para o SEXTANTE. Atraves de scripting podemos:

  • aceder a todas as funcoes expostas pelo SEXTANTE (incluindo thrid-party providers como o R, ou o GRASS)
  • aceder as funcoes que nos acrescentamos ao SEXTANTE (incluindo modelos criados atraves do modeller, ou R scripts)
  • aceder a API do PYQT, ou do Python em geral para criar UI (entre outras coisas)
  • aceder a API do PYQGIS, acedendo a toda a funcionalidade do QGIS.

Reunindo todas estas funcionalidades pode construir-se uma aplicacao bastante poderosa, mas neste post eu vou me ficar por uma demonstracao simples: uma suite de analise exploratoria dos dados, que consiste em chamar tres dos scripts de R que criei anteriormente. Em termos de input/output, a aplicacao unifica a recepcao de parametros para os tres scripts e gera os resultados em ficheiros html, guardados no disco num local definido pelo utilizador.

Para seguir este tutorial nao sao necessarios grandes conhecimentos de Python; no entanto, se decidirem construir os vossos scripts, ja vai ser importante. Neste website podem encontrar sobre python para nao programadores (se souberem programacao, torna-se logo mais facil). Eu gosto deste em particular (from scratch!)

Continuar a ler


Leave a comment >

Este post vem a proposito de serie de posts sobre a modelacao espacial e sextante, mas surge tambem como um “parentesis” sobre o software estatistico R, que  ja foi referido neste blog.
Faco minhas as palavras do amcrgrodrigues sobre as potencialidades e versatilidade do R em todo o tipo de analise estatisticas, e aproveito para mostrar como se pode utilizar o R, a partir da toolbox do sextante.

Se tiverem o R instalado, e devidamente configurado dentro do Sextante, ele ira aparecer listado como um dos “algorithm providers” da toolbox. Para criar um novo script, devem expandir: “R Scripts->Tool->Create new R script”.

Image

Antes de continuar, aproveito para fazer um esclarecimento importante que me demorou algum tempo a entender (talvez porque a documentacao sobre esta funcionalidade seja tao escassa…): estes scripts nao sao propriamente de “R”, como o nome pode sugerir, mas sao scripts de Rpy que ‘e um binding de python para R. “Trocando por miudos”, isto quer dizer que a linguagem de programacao ‘e o Python, e que este acede directamente a funcoes de R. A sintaxe completa de R, nao ira funcionar neste contexto.

Se procurarem no manual de utilizador do QGIS, ha um capitulo sobre o sextante e um sub capitulo (mesmo muito pequeno!) sobre o R no sextante. Digamos que a grande vantagem de utilizar este interface de Python, ‘e que nos resolve o problema de input e output de informacao, uma vez que o sextante expoe os layers a estes scripts (para os ler, ha apenas umas pequenas convencoes de sintaxe que estao descritas no manual, e que eu tambem vou explicar mais a frente).

Continuar a ler